Pós Graduação

A importância de uma pós-graduação na carreira profissional:

Os conhecimentos e as habilidades adquiridos nos cursos de graduação, já não são mais suficientes para formar um profissional completo, competitivo, que possa oferecer soluções e ideias inovadoras para o mercado de trabalho.

É cada vez mais difícil conseguir uma boa colocação no mercado de trabalho, ter uma graduação não é mais diferencial e os profissionais precisam buscar uma especialização depois se graduar. Em algumas áreas, como a de educação, a busca por um mestrado e/ou doutorado é indicada, em outras áreas, as atualizações periódicas de conhecimento são mais adequadas, e podem ser realizadas com cursos de especialização ou extensão.

Enquanto a graduação tende a ser generalista, a pós graduação é uma especialidade, que vem atender ao o mercado que exige um aprofundamento em determinado aspecto da formação. Nesse sentido, a pós-graduação é uma maneira de valorizar o título obtido na graduação — seja bacharelado, licenciatura ou tecnólogo.

A conclusão de um curso de especialização não agrega somente realização pessoal, mas uma melhoria em relação à remuneração salarial. De acordo com um levantamento divulgado em 2018, Folha de S.Paulo, a média salarial de um graduado, em alguns setores, gira em torno de R$ 6 mil, ao passo que os valores mensais para quem tem uma pós graduação podem ultrapassar R$ 10 mil. Para aqueles que têm mais de duas especializações, a remuneração pode chegar aos R$ 15 mil.

Segundo uma na Revista Galileu, finalizar uma pós significa ter acesso a um número maior de oportunidades. Conforme a progressão dos estudos, o salário de alguém com doutorado, por exemplo, é até 5 vezes maior que a média nacional, sem contar que, aproximadamente, 75% dos profissionais com esse título estão empregados.

Ou seja, a educação pós-graduação contribui para atingir posições mais altas e favorece a taxa de empregabilidade.

Os diferentes tipos de pós-graduação: Lato Sensu e Stricto Sensu

Lato sensu

As pós-graduações de lato sensu também se dividem em dois âmbitos: ESPECIALIZAÇÕES e os APERFEIÇOAMENTOS.

As especializações são caracterizadas por atenderem às demandas específicas do mercado de trabalho, os estudos são estruturados de acordo com as áreas de atuação e as particularidades que elas exigem dos profissionais. Esses cursos duram 360 horas e são exemplificados pelos MBAs. Para ingressar em um programa desse tipo, é preciso concluir a graduação e cumprir os requisitos definidos pela instituição.

Já os aperfeiçoamentos têm estruturas mais livres e não obedecem a fatores fixos. A maioria tem carga horária de 180 horas e não exige um trabalho de conclusão ou algo do gênero.

CERTIFICAÇÕES
PARCEIROS